A partir de agora pode fazer o registo de nascimento na Internet

O Ministério da Justiça anunciou, esta segunda-feira, que registo de nascimento passou a ser possível realizar online.

O objectivo desta medida é criar condições para que os pais não tenham de deslocar-se a uma conservatória para registar o seu bebé, serviço que actualmente é assegurado, mas apenas em casos urgentes, mediante agendamento prévio, de acordo com as medidas de combate ao surto de COVID-19, definidas pelo Governo para a área governativa da Justiça.

Pode aceder ao recurso Betting tips e assim poderá ter um nova solução

Até à data, o registo dos bebés era feito de forma presencial, fosse numa conservatória ou num Balcão Nascer Cidadão, um serviço disponível em 48 hospitais e maternidades do país. Desde dia 23 de Março que estes balcões estão encerrados, sendo apenas possível registar os bebés na conservatória, sempre com pré-agendamento e apenas para casos em que, mediante circunstâncias especiais, o registo seja urgente.

A partir de hoje o serviço Nascer Cidadão fica disponível online possibilitando que os pais façam o registo de nascimento dos seus bebés, desde casa, sem quaisquer deslocações.

O pedido do registo de nascimento faz-se no site Nascimento Online, através de autenticação com Chave Móvel Digital ou com Cartão de Cidadão, neste caso, recorrendo a um leitor de cartões e dos códigos PIN da morada e de autenticação.

O Ministério da Justiça, informou ainda que o prazo obrigatório do registo até 20 dias após o nascimento está suspenso.

Segundo os dados divulgados, entre 1 de Janeiro e até 29 de Fevereiro foram realizados 11.123 registos de nascimento e 7.736 pedidos de Cartão de Cidadão com recurso aos balcões Nascer Cidadão, valores que elevam os números totais, para os 216.116 registos de nascimento e os 129.607 pedidos de Cartão de Cidadão, desde que o serviço foi disponibilizado, em maio de 2016.

Esta informação também lhe pode interessar: https://casino-frank.pt/jogos

O mais visto