Alentejo volta a registar níveis muito elevados de pólenes na atmosfera

Até ao próximo dia 18 de Abril, a Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica prevêem-se concentrações muito elevadas de pólen na atmosfera de todo o País nos dias de ausência de precipitação.

Segundo a informação que nos chegou, na atmosfera encontram-se presentes particularmente grãos de pólen das árvores azinheira e outros carvalhos, pinheiro e plátano, e das ervas urtiga e parietária.

Em Évora (região do Alentejo), os pólenes encontram-se em níveis muito elevados, na atmosfera, com predomínio dos pólenes das árvores azinheira e outros carvalhos e plátano, e das ervas urtiga, azeda, parietária, gramíneas e tanchagem.