Após chumbado, população exalta-se e faz deputados municipais aprovar financiamento para Juromenha (c/video)

Decorreu esta sexta-feira, à noite, uma sessão da Assembleia Municipal do Alandroal, onde se discutia o pedido de financiamento do Empréstimo Quadro do banco Europeu de Investimento para fazer face às contrapartidas nacionais da obra de Consolidação e Requalificação da Fortaleza de Juromenha, a obra de conclusão da Biblioteca/Centro Comunitário de Alandroal e para a obra de Intervenção na Redução de perdas na Rede de Abastecimento de Água do concelho.

O ponto mais polémico desta assembleia era o pedido de financiamento do Empréstimo Quadro do banco Europeu de Investimento para fazer face às contrapartidas nacional da obra de Consolidação e Requalificação da Fortaleza de Juromenha, ou seja, em causa estava um empréstimo de 900 mil euros e 600 mil euros de fundos próprios para que o Município conseguisse aplicar 5 milhões de euros na sua total reabilitação (3,5 milhões a fundo perdido do Alentejo 2020 já aprovados), ficando a câmara a pagar menos de 70 mil euros por ano, sem juros, durante 13 anos.

Após este ponto ter sido chumbado, a população da localidade de Juromenha indignou-se, como mostram os vídeos em baixo e fez com que 5 deputados (4 do DITA e 1 do PSD) tenham alterado o seu sentido de voto, da abstenção para o voto a favor e juntando-se aos votos favoráveis do PS, sendo que a bancada da CDU e 1 deputado do DITA mantiveram o seu voto contra.

Já os outros pedidos de empréstimo foram reprovados.

https://odigital.pt/wp-content/uploads/2020/01/WhatsApp-Video-2020-01-18-at-00.01.17-1.mp4
https://odigital.pt/wp-content/uploads/2020/01/WhatsApp-Video-2020-01-18-at-00.01.17.mp4