Autarquia de Reguengos de Monsaraz reforçou o apoio financeiro para os transportes públicos dos alunos

KONICA MINOLTA DIGITAL CAMERA

O Município de Reguengos de Monsaraz anunciou, esta semana, que reforçou o investimento na educação, nomeadamente no transporte escolares.

Em parceria com o agrupamento de escolas e as restantes entidades que integram a Comissão Municipal de Proteção Civil, a autarquia tomou medidas preventivas no âmbito do combate à covid-19 para este ano letivo. Ao nível dos transportes escolares estima-se que o aumento do investimento municipal se aproxime dos 20 mil euros durante o ano letivo para responder às necessidades dos alunos de todo o concelho, em consonância com as normas de saúde pública do atual contexto pandémico.

Os novos horários escolares foram definidos com o objetivo de ter o número mínimo de alunos na escola em simultâneo, de acordo com as orientações do Ministério da Educação, o que implica o aumento dos custos da autarquia, respondendo especificamente a cada alteração. Importa sublinhar que todos os horários dos transportes disponíveis anteriormente são mantidos.

Igualmente no âmbito das medidas adotadas pela câmara municipal foram disponibilizados testes à covid-19 aos docentes, assistentes técnicos e assistentes operacionais dos estabelecimentos de educação e ensino que considerem ter estado em contexto de risco ao novo coronavírus (SARS-CoV 2). Está ainda prevista a possibilidade dos docentes, assistentes técnicos e assistentes operacionais do agrupamento de escolas realizarem testes serológicos pagos pelo município para se poder ter um “retrato” deste grupo de profissionais em termos de imunidade.

A autarquia distribuiu também termómetros de infravermelhos e kits de tapetes desinfetantes aos jardins de infância e escolas do 1.º ciclo do concelho em parceria com as juntas de freguesia, tendo reforçado ainda o número de dispositivos de solução antisséptica de base alcoólica para a higienização das mãos. Para cumprimento das regras do Ministério da Educação e da Direção Geral da Saúde foram colocados acrílicos em todos os espaços de atendimento aos alunos e aos docentes e aplicada sinalética para melhor definição de circuitos nos espaços.

O município ofereceu também os livros de fichas a todos os alunos do 1º ciclo do agrupamento de escolas e aos beneficiários de Cartão Social e Rendimento Social de Inserção do 5.º ano ao 12.º ano que os requereram junto do Serviço de Educação, num total de 377 alunos abrangidos.

Read more...
Read more...