Beringel será a próxima paragem do projecto “Alentejo Património”

Dando continuidade ao projeto ‘Alentejo, PATRIMÓNIOS’ da Direção Regional de Cultura do Alentejo em que se promove Património Cultural Imaterial, decorrerá no próximo dia 26 de setembro mais uma visita guiada.

“Do barreiro à cantarinha’ será o tema da próxima visita guiada que se realiza dia 26 de setembro, com início às 10h00 no Centro Cultural de Beringel (concelho de Beja), inserida no projeto ‘Alentejo, PATRIMÓNIOS’ da Direção Regional de Cultura do Alentejo (DRCAlentejo).  O programa contempla um itinerário pelos Barros de Beringel, através de uma exposição, visualização de vídeo, visita a oficinas e à Igreja Matriz, prova de vinhos. 

O projeto ‘Alentejo, PATRIMÓNIOS’ pretende promover o Património Cultural Imaterial da Região e contempla, no corrente ano, o total de quatro visitas temáticas, com o máximo de 14 participantes cada, mediante inscrição prévia através dos contactos gerais da DRCAlentejo. 

Depois dos Barros de Beringel sucedem-se, já no mês de outubro, as visitas em torno dos cereais e da molinagem no território do rio Mira, no dia 3, e dos Bonecos de Estremoz, no dia 17.

O Projeto ‘Alentejo, PATRIMÓNIOS’ insere-se no Programa de Promoção, Programação e Mediação no Património Cultural, da Direção Regional de Cultura, no qual se incluem um ciclo anual de visitas guiadas ao património construído, um ciclo de Música nas Igrejas, ações de Sensibilização para a Educação Patrimonial, entre outras iniciativas. 

O evento em Beringel terá o seguinte programa:

– 10.00 h . Recepção no Centro Cultural com uma introdução histórica em torno do barro e dos barristas de Beringel, visita à exposição dos oleiros de Beringel, ali patente, e a visualização de um vídeo sobre a temática;

– 10.30/10.45 h – Visita à Oficina do Mestre Oleiro António Mestre [conhecer todo processo do ciclo do barro – barreiro, tratamento do barro, roda, secagem, cozedura];

– 11.30 h – Visita à oficina de fabrico de tijolo de burro e de lambaz de Mestre Parreira;

– 12.00/12.15 h – Passagem pela “Loja do Zuca”;

– 12.45/13.00 h – Almoço [livre];

– 15.00 h – Visita à Igreja Matriz [Contextualização da importância da Ordem de Cister na introdução da olaria em Beringel];

– 17.00 h – Fim de visita no fresco do Parque da Vila com prova de vinhos