Ceia da Silva comenta a boa classificação do turismo português no ranking mundial e destaca os cinco reconhecimentos da UNESCO no Alentejo e Ribatejo (c/som)

Recentemente Portugal ficou a saber que ocupa o 12º lugar no ranking mundial de competitividade no Turismo.

Esta classificação foi divulgada pelo relatório do Fórum Económico Mundial que indica ainda que Portugal é oitavo no ranking europeu, sendo assim a melhor classificação de sempre.

ODigital.pt falou com António Ceia da Silva, Presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, que comentou esta noticia dizendo que “deve-se muito ao trabalho extraordinário da Secretária de Estado do Turismo, minha amiga Ana Mendes Godinho, mas o Alentejo, como diz e bem, um dos critérios relevantes nessa subida, foi os critérios de reconhecimento da UNESCO, e se houve alguém que contribuiu nos últimos anos, com cinco reconhecimentos da UNESCO, fomos nós”, acrescentando que “isso para nós é muito importante e decisivo do ponto de vista da afirmação do território. Não é por acaso que somos a região que mais cresce no país e continuamos a crescer com proveitos muitíssimo bons. Significa que temos hoje um turista de elevada qualidade para a região.”

Já sobre a continua subida dos números do turismo no Alentejo, Ceia da Silva refere que “é indiscutível! Até Junho somos a região do país que mais cresceu, em todos os indicadores micro e macro económicos do turismo, inclusive nos proveitos. As indicações que temos por parte dos empresários e hoteleiros relativamente a Julho e Agosto é que essa subida continua a manter-se e portanto são números muito importantes e muito relevantes em relação aos anos anteriores, o que é fantástico, porque significa uma subida consecutiva há nove anos.”