Covid-19: Évora anuncia a criação de Fundo de Emergência Municipal de 500 mil euros e apoio para criadores culturais

Foto:D.R.

À semelhança do que já aconteceu com outros municípios alentejanos, a Câmara Municipal de Évora, anunciou algumas medidas para fazer face às dificuldades vividas perante o Estado de Emergência devido ao Covid-19 e também para evitar a propagação do novo coronavírus.

Assim, a Câmara Municipal de Évora anunciou a criação do Fundo de Emergência Municipal com uma dotação de € 500.000 euros, que irá reforçar o orçamento do Serviço Municipal de Protecção Civil e Segurança, através da reafectação de dotações orçamentais de iniciativas que já não vão realizar-se, e garantirá a aquisição de equipamentos, serviços e apoio a entidades e munícipes, principalmente aos mais vulneráveis.

A reunião de câmara realizada esta semana, o executivo garantiu que está a ser preparado um programa com medidas que visam apoiar os criadores culturais sem quaisquer rendimentos, que viram as suas actividades suspensas por tempo indeterminado devido à actual situação epidemiológica. Trata-se de um programa denominado “Artes em Casa”, com a duração de duas semanas, que abrangerá mais de duas dezenas de criadores e será feito via internet, englobando música, teatro, poesia, artes plásticas, entre outras.

Nesta reunião foi ainda provado por unanimidade o cancelamento da Feira de S. João, por “não estarem “reunidas as condições para a realização da Feira nas datas habituais, tendo em conta a situação excepcional que vivemos nesta edição.”