Covid-19: Profissionais de saúde vão ter no telemóvel minutos, mensagens e dados móveis gratuitos

O Governo acaba de anunciar que, foi assinado um Acordo de Colaboração entre o Gabinete de Resposta Digital à COVID19, o Ministério da Saúde e os Operadores de Telecomunicações: Altice, NOS, NOWO e Vodafone, para a atribuição de benefícios a profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) dedicados ao tratamento de doentes da COVID-19.

Segundo a informação disponibilizado o acordo surge depois de o Gabinete de Resposta Digital ao Covid-19, coordenado pelo Ministério da Economia e da Transição Digital, ter solicitado o apoio dos Operadores de Telecomunicações para encontrar soluções urgentes, que salvaguardem os consumos de comunicações electrónicas por parte dos profissionais de saúde do SNS.

Pode aceder ao recurso Betting tips e assim poderá ter um nova solução

Da estreita colaboração entre as entidades públicas e privadas é, assim, possível garantir aos profissionais de saúde que estão a responder directamente à crise de saúde pública identificados pela Administração Central do Sistema de Saúde – ACSS, um plafond extra de:

Ø 10 mil minutos de voz para redes fixas e móveis nacionais

Ø 10 mil SMS para redes móveis nacionais

Ø 10 GB de dados

Estes benefícios serão associados aos tarifários de serviço telefónico móvel, que individualmente cada profissional do SNS tiver subscrito com o seu operador, pelo período de 30 dias e serão renovados no primeiro dia de cada mês, enquanto se mantiver a pandemia.

A ACSS fornecerá aos operadores, nos próximos dias, a listagem dos profissionais abrangidos, mediante a inscrição destes através de um formulário a disponibilizar no portal covid19estamoson.gov.pt.

A iniciativa responde a todos os profissionais de saúde que, diariamente, ajudam os portugueses a superar as consequências causadas pelo novo coronavírus, nomeadamente através do recurso à telesaúde. 

O Gabinete de Resposta Digital ao COVI-19 foi criado com o objectivo de avaliar, implementar e informar sobre medidas de base digital, garantindo uma resposta agregada e coerente, recorrendo ao envolvimento dos agentes públicos e privados numa lógica de resposta integrada.

Integram o Gabinete de Resposta Digital ao COVI-19 representantes do Gabinete do Primeiro-Ministro, das áreas governativas da Economia e Transição Digital, Infraestruturas e Habitação, Modernização do Estado e Administração Pública e Educação.

Pela parte do Estado, estão ainda elementos da Direcção-Geral da Saúde, Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, Agência para a Modernização Administrativa e Direcção-Geral da Educação.

Do lado das operadoras de telecomunicações integram o Gabinete a Altice, a NOS, a Vodafone e a Associação do sector APRITEL.

Fazem também parte do grupo empresas tecnológicas, como a AWS, CISCO, ESRI, Facebook, Google, Huawei, Microsoft, Netflix, entidades da Academia e representantes do sector social / associativo, como a VOST Portugal.

Esta informação também lhe pode interessar: https://casino-frank.pt/jogos

O mais visto