Directora do Agrupamento de Centros de Saúde do Alentejo Central pediu a demissão. ARS explica porquê

A Administração Regional de Saúde do Alentejo veio a público, esta terça-feira, confirmar que a Directora executiva do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Alentejo Central, Maria Laurência Gemito, pediu formalmente para deixar o cargo para poder voltar a leccionar na Universidade de Évora.

Segundo a ARS Alentejo, “a apresentação formal da demissão do cargo de Directora Executiva do ACES Alentejo Central, ao presidente da Administração Regional de Saúde do Alentejo, José Robalo, tem como base o facto da mesma querer assumir o cargo de professora-coordenadora na Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus, da Universidade de Évora, cargo para o qual foi nomeada no início de Março do presente ano, ficando a sua saída adiada atendendo à situação inicial, que se viveu, da pandemia por Covid-19.”

Laurência Gemito esclarece ainda que, de acordo com a legislação em vigor, o Presidente do Conselho Clínico e de Saúde (CCS) do ACES Alentejo Central foi designado sob proposta da Directora Executiva e os vogais sob proposta do Presidente do CCS. Desta forma, o pedido de demissão dos 4 elementos do CCS do ACES Alentejo Central prende-se com o facto de considerarem que ao aceitarem trabalhar com esta Directora Executiva, não fazia sentido manterem-se em funções, após a sua saída.

O mais visto