Donos da Herdade das Servas (Estremoz) adquirem herdade na zona do Vinho Verde

A família Serrano Mira, proprietária da Herdade das Servas, em Estremoz, irá agora também apostar no Vinho Verde, com a aquisição de uma emblemática quinta, a Casa da Tapada, em Amares, Braga.

Desconhece-se o valor do investimento, certo é que a Casa da Tapada possui 24 hectares de área total: doze são de vinha, dez de mata centenária e os restantes dois de casario.

De acordo com a informação a que tivemos acesso, a equipa de enologia pôs mãos à obra e está para breve o lançamento dos primeiros vinhos desta nova geração da Casa da Tapada. Referentes à colheita de 2018, vão envergar as marcas ‘CT’ e a histórica ‘Casa da Tapada’, ambas DOC Vinho Verde.

Sabemos também que a família Serrano Mira, irá em breve fazer renascer a loja de vinhos da Casa da Tapada, cuja oferta será complementada com visitas e provas de vinhos.

Sempre acreditámos no potencial dos Vinhos Verdes, região que dá origem a vinhos com muita frescura, o que potencia a harmonização gastronómica, ponto forte dos vinhos que produzimos. São vinhos cítricos e aromáticos, em que a acidez está bastante presente. É uma região complementar ao Alentejo. Há também o factor “memória”: em casa do nosso avô materno sempre houve Vinho Verde; um dos seus grandes amigos era lá produtor.”, revelam Luís e Carlos Serrano Mira.