Fronteira: Homem, de 51 anos, que alegadamente maltratava esposa e filha, fica com pulseira electrónica

Foto: D.R.

A Guarda Nacional Republicana, através do Posto Territorial de Fronteira, no dia 4 de Março, deteve um homem com 51 anos, pelo crime de violência doméstica, em Fronteira.

Segundo a GNR, “na sequência de uma investigação por violência doméstica, em que foi possível apurar que o suspeito agredia a sua esposa e filha, foi dado cumprimento a uma mandado de detenção que culminou na detenção do agressor.”

O detido foi presente ao Tribunal Judicial de Fronteira no mesmo dia, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de proibição de contacto com as vitimas, por qualquer forma, bem como afastamento da residência das vitimas, do local de trabalho da esposa e da escola frequentada pela filha, com monotorização através de pulseira electrónica.

O mais visto