GNR apanhou 320 condutores em excesso de velocidade e deteve três a conduzir sem carta, no distrito de Beja

Como vem sendo habitual, o Comando Territorial de Beja deu a conhecer, esta segunda-feira, o resultado das operações realizadas, no distrito de Beja, na semana de 27 de Julho a 2 de Agosto.

Estas operações visaram a prevenção e o combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:

 Detenções: Sete detidos em flagrante delito:

– Três por condução sob o efeito do álcool;

– Três por condução sem habilitação legal;

– Uma por detenção de arma proibida.

Apreensões:

– Três doses de cannabis;

– Uma munição de calibre 9 mm;

– Uma arma branca.

Trânsito:

Fiscalização: 357 infrações detetadas, destacando-se:

– 320 por excesso de velocidade;

– 13 por falta de inspeção periódica obrigatória;

– Dez por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;

– Sete por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;

– Cinco por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei.

Sinistralidade: 34 acidentes registados destacando-se:

– Quatro feridos graves;

– 11 feridos leves.

Fiscalização Geral: 40 autos de contraordenação destacando-se:

– 30 no âmbito da legislação da proteção da natureza e do ambiente;

– Dez no âmbito da legislação policial.

Ações de sensibilização:

– Três no âmbito do projeto “Piscina Segura”, tendo sido sensibilizados 56 pessoas;

– Três no âmbito do programa “Idosos em Segurança”, tendo sido sensibilizados 53 pessoas idosas.