Governo desafia empresas ou entidades a manifestar de interesse para o projecto de Hidrogénio de Sines

O Ministério do Ambiente e Acção Climática lançou, esta quinta-feira, um convite à manifestação de interesse para o projecto de Hidrogénio de Sines, tendo em conta que o projecto é parte integrante da Estratégia Nacional para o Hidrogénio e que tem suscitado um grande interesse por parte do sector empresarial português.

Com esta iniciativa, o Governo quer dar oportunidade de participação de vários projectos neste sector hidrogénio, desde que garantida a coerência estratégica nacional e europeia.

Esta auscultação do mercado e eventual complementaridade de projetos “vai permitir robustecer a candidatura portuguesa ao IPCEI (Important Project of Common European interest) e incentivar sinergias a nível de cluster industrial, nomeadamente na inovação, PME ou reforço da capacidade de produção, potenciando a capacidade de exportação”, refere o Ministério em comunicado.

O convite, agora feito pelo Governo, destina-se a empresas ou entidades portuguesas ou europeias, cujos projecto propostos se traduzam num valor acrescentado para o nosso país, nomeadamente por via do estabelecimento em Portugal e da criação de emprego.

O Governo considera ainda, “como aspecto fundamental a Redução de emissões de CO2

equivalente associada por projecto apresentado”, acrescentando que “Portugal ambiciona integrar, já em 2020, o primeiro IPCEI de Hidrogénio a nível europeu, e que as primeiras unidades de electrolisadores entrem em operação em 2022, pelo que a maturidade dos projectos e capacidade de execução são considerados fundamentais.”

De salientar que as manifestações de interesse serão analisadas por um Comité de Admissão de projectos que envolve as áreas governativas da Economia e Transição Digital, do Ambiente e da Ação Climática e da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e Negócios Estrangeiros, apoiados a nível técnico pela DGEG e LNEG.

Toda a informação esta disponível em www.portugalenergia.pt e o período de encerramento para a manifestação de interesse é 17 de julho 2020

O mais visto