Guadiana poderá vir a ser navegável de Mértola até Vila Real de Santo António

Um investimento de seis milhões de euros, vai permitir a navegabilidade do rio Guadiana entre Vila Real de Santo António (Algarve) e Mértola (Alentejo).

Esee é um projecto a cargo da Direcção Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM), sendo que já foram executadas duas fases, que permitiram tornar navegáveis duas zonas internacionais do Guadiana, a área entre a entrada da barra de Vila Real de Santo António e a ponte internacional e o troço entre Vila Real de Santo António e Alcoutim, no Algarve.

A terceira fase deverá iniciar ainda este mês e está orçada em 611.925 euros.

Recentemente foi assinado um protocolo que vai estudar e encontrar a solução adequada para a navegabilidade do troço exclusivamente português entre o Portimão e a vila de Mértola, este troço que está pendente da declaração de impacte ambiental.

O mais visto