Organização das Cidades Património Mundial apoia a candidatura de Évora a Capital Europeia da Cultura 2027

A Organização das Cidades Património Mundial apoia a candidatura de Évora a Capital Europeia da Cultura 2027

Na sequência da proposta apresentada pelo Presidente da Câmara Municipal de Évora, Carlos Pinto de Sá, a Assembleia-Geral da OCPM, que decorreu ontem dia 5 de junho, em Cracóvia, aprovou por unanimidade o apoio à candidatura de Évora a Capital Europeia da Cultura em 2027.

Intervindo na Assembleia Geral, Carlos Pinto de Sá afirmou que a candidatura de Évora pretende ter “uma forte dimensão europeia” e convidou as cidades europeias a colaborarem ou mesmo estabelecer parcerias com Évora. Afirmou, ainda, que a candidatura quer incluir “uma dimensão humanista e multicultural que aborde os problemas do nosso tempo” e convidou as cidades de outros continentes a cooperarem com Évora.

No final da Assembleia Geral, o autarca manifestou-se muito satisfeito com esta declaração de apoio da OCPM, frisando que significa o reconhecimento do papel de Évora e um importante contributo para a candidatura de Évora a Capital Europeia de Cultura.

Sublinha-se que Évora tem um longo historial de participação ativa na OCPM tendo sido membro fundador.

A Organização das Cidades Património Mundial é uma organização sem fins lucrativos, fundada em 1993, em Fez (Marrocos) e promove a defesa dos interesses das cidades e sítios património mundial no que respeita à salvaguarda do seu legado histórico e patrimonial. Conta neste momento com mais de 300 cidades e sítios classificados Património Mundial da UNESCO.