Picanço-barreteiro e outras aves agrícolas estão a desaparecer

Na sequência da publicação do Censo de Aves Comuns, a Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves alerta para o declínio do Picanço-barreteiro e outras aves agrícolas.

De acordo com esta entidade, o relatório agora publicado mostra que algumas aves ligadas aos habitats agrícolas continuam em declínio, reforçando a necessidade de implementar uma política agrícola sustentável.

Pode aceder ao recurso Betting tips e assim poderá ter um nova solução

“A situação mais preocupante é a do picanço-barreteiro, que continua em declínio acentuado, mas também outras espécies ligadas aos habitats agrícolas, como o picanço-real, a milheirinha e a andorinha-das-chaminés estão em declínio moderado, provavelmente por causa da intensificação da agricultura”, refere a Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves.

O mesmo relatório revela ainda que, algumas espécies viram a sua situação melhorar no último ano. Espécies como o pombo-torcaz, o estorninho-preto, o trigueirão, o chapim-carvoeiro ou a alvéola-branca estão a aumentar.

Esta informação também lhe pode interessar: https://casino-frank.pt/jogos

O mais visto