Ponte de Sor: GNR detectou cidadãos estrangeiros em situação irregular no país, a trabalhar na agricultura

A Guarda Nacional Republicana, através do Posto Territorial de Ponte de Sôr, no passado dia 19 de maio, identificou sete cidadãos estrangeiros por se encontrarem em situação irregular no país.

De acordo com a GNR, “no âmbito de uma operação de controlo a cidadãos estrangeiros que trabalham na área da agricultura, com o objectivo de verificar a sua situação em Território Nacional, os militares fiscalizaram 20 pessoas de diversas nacionalidades.”

A Força de Segurança adianta ainda que, “dessa fiscalização, resultou a detecção de sete pessoas, com idades entre os 25 e os 40 anos, em situação irregular, tendo sido notificado um indivíduo para abandonar voluntariamente do país, e seis para comparecerem no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), a fim de regularizarem a sua situação.”